Revista Carta Premium

Vinícola brasileira de vinhos… argentinos? Novidades para dezembro de premiada vinícola gaúcha e dica especial de leitura

 Extra!

Vinícola brasileira de vinhos… argentinos? Novidades para dezembro de premiada vinícola gaúcha e dica especial de leitura

Vinícola brasileira de vinhos… argentinos? Novidades para dezembro de premiada vinícola gaúcha e dica especial de leitura
dezembro 07
18:01 2016

Os enoapreciadores, bares, hotéis, bistrôs e restaurantes ávidos por novidades têm excelentes notícias para o fim de ano. Muitas vinícolas aproveitam as festividades de dezembro para apresentar novas opções para encantar à mesa.

Entre as vinícolas que estão com lançamentos a preços acessíveis está a Guatambu Estância do Vinho, de Dom Pedrito, RS. Os destaques são os vinhos tranquilos Luar do Pampa Rosé, Rastros do Pampa Pinot Noir e Épico II.

O Luar do Pampa Rosé, que em novembro recebeu Medalha de Prata no Concurso Internacional de Vinhos e Licores La Mujer Elige (veja a reportagem completa), em Mendoza, na Argentina. O rótulo, até então inédito nas linhas produzidas pela Guatambu, é a expressão mais pura e delicada das uvas Merlot dos vinhedos da vinícola. Apresenta atraente coloração rosa chá e exibe aromas muito elegantes, relembrando um jardim de flores combinado com aromas de frutas em calda como cereja, pêssego e geleia de morango. Na boca sente-se o frescor e a jovialidade do vinho, com acidez pronunciada e, ao mesmo tempo, equilibrada com o toque amanteigado. Um vinho que desperta a imaginação e envolve o paladar. Harmoniza muito bem com peixes e carnes brancas grelhadas, massas com molhos leves, frutos do mar, risotos, paella, sushi, sashimi e pratos tailandeses.

Sucesso da safra 2015, tendo se esgotado em poucos meses, o tinto Rastros do Pampa Pinot Noir 2016 chega em edição limitada de 1.600 garrafas numeradas na tradicional garrafa modelo Borgonha, a pedido dos clientes. No nariz, muitas frutas vermelhas como framboesa, cereja e morango, com leve toque mentolado. Na boca, sente-se o retrogosto de baunilha e de chocolate, um vinho volumoso, com taninos envolventes e boa persistência. Sensacional para acompanhar cortes de carnes vermelhas e de caça.

Expoente de mais alta gama da vinícola, a segunda edição do vinho Épico foi produzida com uvas Cabernet Sauvignon, Tannat e Tempranillo das safras 2013, 2014 e 2015.

Segundo a enóloga da vinícola, Gabriela Hermann Pötter, o vinho Épico “é um produto único, ideal para ser consumido em ocasiões especiais”. A bebida de cor rubi intenso e grande profundidade aromática de frutos maduros, ameixas e amoras, com notas de chocolate, côco e delicadas notas de carvalho. Em boca, apresenta enorme untuosidade com taninos firmes e harmônicos, no qual notas de frutas passas completam um final longo e persistente, sobressaindo-se frutos secos, avelãs e nozes.

A Guatambu é uma vinícola boutique que trabalha com administração familiar, em pequena escala, somente com uvas próprias, lotes limitados e garrafas numeradas, em Dom Pedrito, na Campanha Gaúcha, desde 2003. Situada no coração do pampa gaúcho, na fronteira com o Uruguai, o cultivo da videira é marcado por um terroir com mais de 2.300 horas de luminosidade durante o período vegetativo da videira e escassez de chuvas no verão, garantindo a maturação fenólica das uvas e a opulência de seus vinhos.

A vinícola conta com um complexo enoturístico, que engloba área de produção, auditório, sala de degustação, salão com parrilla para eventos e loja, com referências arquitetônicas voltadas à cultura gaúcha e às estâncias do pampa, sendo considerada referência em estilo, beleza e modernidade. Desde maio de 2016 funciona com 100% de energia solar, tornando-se o primeiro empreendimento da área na América Latina movida através de energia limpa.

Portenhos brasileños?

A linha de vinhos de mesa Dom Bosco, do grupo brasileiro CRS Brands (antiga Cereser), acaba de ganhar rótulos argentinos mais finos. Produzidos em Mendoza, os novos vinhos trazem o frescor e o sabor frutado marcante das uvas Bonarda e Sangiovese.

Utilizando a mais moderna tecnologia enológica, os vinhos Dom Bosco Argentina têm o frescor e a acidez equilibrada, além do aroma e sabor frutado marcantes, que combinam notas de ameixa, cereja e morango. Acompanham diversos pratos e sobremesas, além de almoço e ceia de Natal e Ano Novo. Para sentir todas as suas características, a bebida deve ser consumida a temperatura de 16 graus centígrados. “Com esse lançamento estamos renovando e reforçando a linha Dom Bosco no mercado. A estratégia é mais um passo importante para que a marca mais antiga da CRS Brands conquiste liderança na categoria de vinho de mesa do País”, afirma Lourenço Filho, diretor comercial e de marketing da empresa.

Produtora da famosa Sidra Cereser, é dona da maior linha de envase de espumantes do mundo, com capacidade para produzir até 65 mil litros/hora. Uma das mais expressivas indústrias brasileiras de bebidas alcoólicas da América Latina é também detentora das marca de vinhos finos Massimiliano. Com unidades fabris em Jundiaí (SP) e em Suape (PE), que juntas somam capacidade para armazenar até 20 milhões de litros, seus produtos são exportados para mais de 40 países na América Latina, África e Ásia.

Dica de leitura

Considerada a obra-prima de Hugh Johnson e um grande clássico internacional da literatura sobre o vinho, a obra “A História do Vinho”, acaba de ganhar uma edição ilustrada, que, segundo o autor, foi renovada e atualizada para trazer os mais recentes acontecimentos no mundo do vinho. A leitura traça a história da civilização sob a ótica do vinho, desde os seus primórdios, passando pelo esplendor do bacanal do mundo antigo até os dias atuais.

Os interessados podem adquirir o seu exemplar em livrarias especializadas e grandes book stores ou no site da CMS Editora (www.cms.com.br).

Artigos Relacionados

0 Comentários

Ainda não há comentários!

Não há comentários no momento, você quer adicionar um novo?

Escrever um Comentário

Escrever um Comentário

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados *

13 + 20 =

Espírito Extra Premium

Tradição e qualidade centenários

Do terroir paranaense

Novidade de destaque

Entre os melhores destilados mundiais

Tradição e Excelência em Destilados

Entre as mais premiadas no mundo

De renome internacional

Na mais alta patente da qualidade

Premiada no Oscar da Cerveja Mundial

Impossível não ter na sua carta

Opção de excelência

Paulista multipremiada

Premiada cervejaria paulista

Pureza e suavidade desde 1932

Gim brasileiro de destaque mundial

Excelência do terroir gaúcho

Muita brasilidade, tradição e qualidade

Destilado Premiado e Cervejas Especiais

Entre as melhores cervejas brasileiras

Um toque a mais de excelência

O verdadeiro destilado ancestral brasileiro

Premiada na China, na Polônia …

Entre os melhores destilados do mundo

Cerveja Brasileira Conquistando o Mundo