Revista Carta Premium

ESSÊNCIA DA MUDANÇA, ENTREVISTA EXCLUSIVA: “Os espumantes brasileiros já são reconhecidos mundialmente por sua qualidade. Os vinhos nacionais já foram condecorados com mais de 3 mil prêmios internacionais”

ESSÊNCIA DA MUDANÇA, ENTREVISTA EXCLUSIVA: “Os espumantes brasileiros já são reconhecidos mundialmente por sua qualidade. Os vinhos nacionais já foram condecorados com mais de 3 mil prêmios internacionais”

ESSÊNCIA DA MUDANÇA, ENTREVISTA EXCLUSIVA: “Os espumantes brasileiros já são reconhecidos mundialmente por sua qualidade. Os vinhos nacionais já foram condecorados com mais de 3 mil prêmios internacionais”
janeiro 24
16:31 2018

“Percebo hoje uma enorme demanda e carência de informações de qualidade. Sinto a necessidade de atualizações no mercado, os profissionais precisam além de se formarem, (re)estudarem … Sommelier não é quem entende de vinhos, é quem trabalha com vinhos … A quem ainda não conhece o vinho nacional, tem preconceito ou até más experiências passadas, vale a pena fazer uma nova avaliação aos produtos do nosso País”.
Mikaela - IMG_1172

Palestrante, consultora e empresária, a sommelière Mikaela Paim faz parte de uma nova geração no segmento de A&B com foco cada vez mais destacado na qualidade em todas as pontas, do produto ao serviço oferecido aos clientes nos empreendimentos, geração que também tem valorizado mais o produto nacional, ajudando a romper a barreira da subvalorização do “made in Brazil” diante do importado. Muito carismática e simpática, Mikaela tem uma longa Mikaela Paim - foto Rictrajetória no segmento por ter começado desde cedo sua vivência na área. Confira a seguir dicas da sommelière a respeito da formação dos profissionais, sobre o mercado vinícola brasileiro e também de como melhor aprimorar a sua carta:

Carta Premium: Poderia comentar um pouco sobre sua história, sua idade e formação profissional?
Sommelière e Consultora Mikaela Paim: Meu pai trabalha na área de bares e restaurantes há mais de 30 anos e, sendo um ramo que exige muita presença e empenho, minha forma de estar próxima a ele era ir aos bares e restaurantes em que trabalhava. Eu adorava passar minha infância nos bastidores desses estabelecimentos; adorava o cheiro, o barulho, a diversidade, as pessoas e o serviço. Era como uma extensão da minha casa. Eu cresci e continuei trabalhando nesse setor. Aos 13 anos já era assistente administrativa, recebia e atendia clientes e aos 17 anos já era sócia do restaurante que trabalhava. Formei-me em Administração de Empresas e viajei mais de 20 países para estudar, participar de colheitas e vivências diversas. Nos últimos 10 anos estudei todas as bebidas alcoólicas do mundo, cafés, chás, água, azeites, charuto e gastronomia. Eu me defino como uma generalista de bebidas e alimentos. Considero meu trabalho amplo e assertivo. Hoje com 28 anos, minha maior atuação é como consultora, palestrante e produtora de eventos, sempre com foco em enfatizar as bebidas, cultura, gastronomia e entretenimento.

C. P.: Como essa experiência em ver de dentro para fora, do restaurante para o produtor, e de fora para dentro, do produto a como ele pode contribuir para o restaurante, ajuda também na seleção dos melhores rótulos ou aqueles Mikaela - Ronnie Von Studio 8 17/10/17mais adequados a cada perfil de cliente?
Mikaela Paim: Trabalho de forma personalizada. Entendo a necessidade de cada parceiro e cliente, e atribuo toda minha experiência a fim de elevar o potencial de vendas e gerar uma experiência diferenciada ao consumidor final.

C. P .: Como analisa o mercado de alimentação fora do lar na questão da profissionalização? Poderia fazer uma comparação com uma década atrás, que coincide com o momento quando se formou?
Mikaela Paim: Há 10 anos, quando completei minha formação como sommelière, a economia e demanda eram diversas. Percebo hoje uma enorme demanda e carência de informações de qualidade. Sinto a necessidade de atualizações no mercado, os profissionais precisam além de se formarem, (re)estudarem. Eu estudo todos os dias, diversos assuntos para complementar meus conhecimentos e atender da maneira mais completa possível a quem busca meus serviços. Mas hoje há uma nova geração, engajada em realizar um trabalho de qualidade.

C. P.: Quem é ou precisa ser o sommelier atualmente? Quais características são essenciais a esse profissional?
Mikaela Paim: Recebo muitas mensagens de apreciadores de vinhos querendo dicas de curso de sommelier. Mas acredito que muitos deles não sabem as demandas dessa profissão. Quando me formei, além do curso completo, era requisito 2 anos de experiência em restaurante. Sommelier não é quem entende de vinhos, é quem trabalha com vinhos. Percebo que talvez não vejam a amplitude do setor. Mas para quem pretende viver desta profissão precisa estar ciente que os melhores dias de trabalho são a noite, sem hora para terminar, finais de semana, feriados. Que será necessário abdicar de muitas horas livres em prol do estudo da geografia, história, agronomia, terroir, uvas, processos de fabricação e diversos outros assuntos. Investirá tempo, dinheiro e energia que não retornará em salário, mas em outras riquezas como conhecimento, novos amigos e vivências ímpares.

Mikaela - IMG-20160928-WA0003

C. P.: Também sob seu ponto de vista, quais as necessidades ou até virtudes para um bar ou restaurante saudável? O que um empreendedor nunca pode deixar de lado, principalmente na questão serviço, carta de bebidas e cardápio em geral?
Mikaela Paim: Primeiramente a essência da empresa deve ser estabelecida e mantida. E sempre se atualizar e adaptar de acordo com o mercado. Porém independente das tendências deve haver uma expertise para não se perder durante as modificações e alterações na casa.

Mikaela Paim - IMG_20160921_110620270

C. P.: Há ainda um desconhecimento ou preconceito quanto ao vinho nacional em geral, que se reflete também no mercado de espumantes?
Mikaela Paim: Os espumantes brasileiros já são reconhecidos mundialmente por sua qualidade. Os vinhos nacionais já foram condecorados com mais de 3 mil prêmios internacionais. Apesar de o vinho ser uma bebida milenar, cultural e em muitos países cotidiano, no Brasil, o vinho está sendo descoberto e apreciado há poucas décadas. Certamente ao longo dos próximos anos a demanda tende a modificar com mais vivências e conhecimentos do vinho.

Mikaela - Instagram

C. P.: Nesses últimos dez anos que acompanhou o mercado, notou alguma mudança mesmo que pequena de postura em relação aos rótulos nacionais? O processo de “premiuminização” ou “gourmetização”, bem como o maior apreço ao artesanal e regional, interferiu positivamente?
Mikaela Paim: Sem dúvida o cenário mudou. As vinícolas entenderam a importância de uma atualização tecnológica e de qualidade na produção, e nos últimos 10 anos houve uma evolução exponencial. Todos novos movimentos têm gerado uma nova conscientização a respeito da origem e qualidade dos produtos, o que também gera uma movimentação nos produtores para entregar o melhor resultado. A quem ainda não conhece o vinho nacional, tem preconceito ou até más experiências passadas, vale a pena fazer uma nova avaliação aos produtos do nosso País.

Mikaela - Ronnie Von Studio 8 17/10/17

C. P.: Falando em carta, temos notado uma renovação na apreciação de drinques e um crescimento do apreço à mixologia. Como vê essa área? É uma boa aposta?
Mikaela Paim: Houve um crescimento qualitativo no Brasil na mixologia e profissionais da área, o consumidor Mikaela - 23279640_115746135863055_5305581471640059904_nfinal está mais aberto a novas experiências e conhecimentos. O ano de 2017 foi muito simbólico para este setor, pois nunca houve tantas premiações de melhores bares do mundo, bartender e prêmios internacionais. O brasileiro tende a cada vez mais buscar produtos e serviços de qualidade, e o ramo só tende a evoluir com isso.

Além de consultora, Mikaela Paim é sócia-proprietária dos restaurantes (matriz e filial) Osteria Generale (www.generale.com.br), que trazem no slogan “Desde 1980 com a tradição em bem servir” justamente o apreço pelo atendimento e qualidade no serviço. A carta dos empreendimentos dedica nada menos que 2 páginas aos vinhos brasileiros, ajudando na escolha por trazerem diversas informações dos rótulos e produtores. Mikaela também é idealizadora do Enobrasil , evento singular que cria experiências sensoriais, culturais e enogastronômicas, a fim de evoluir a valorização dos produtos e produtores brasileiros. O evento ocorre sempre em agosto. Aos pubs, bistrôs, bares e restaurantes interessados, a sommelière Mikaela Paim - especialista em charutosMikaela oferece consultoria para montagem de carta, treinamento de equipes e realização de eventos. Informações pelo e-mail mikaela@generale.com.br, (11) 98586-0576, www.facebook.com/vidadesommeliere e Instagram: @vidadesommeliere .

NOTA: Fotos por Ric Pereira Photography (www.ricpereira.com)

Complemento especial: lista espumantes premiados

A entrevista especial e exclusiva com Mikaela faz parte das matérias da última. Na mesma seção incluímos ainda a lista de espumantes medalhistas de ouro em 2017 no maior concurso nacional do segmento. CLIQUE AQUI e veja a lista completa.

Acesse todas nossas edições em nossa biblioteca no link: https://revistacartapremium.com.br/nossas-edicoes-2/

O acesso é livre, gratuito e as revistas também podem ser baixadas para leitura na íntegra em smartphones ou tablets.Rio Sol Vinicola - Anuncio

Artigos Relacionados

0 Comentários

Ainda não há comentários!

Não há comentários no momento, você quer adicionar um novo?

Escrever um Comentário

Escrever um Comentário

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados *

5 × um =

Em sinergia com a qualidade e inovação

Cerveja com Classe

Sabores Inigualáveis

Única em todos os sentidos

Colecionadora de Medalhas

Cachaça de Terroir

Alto padrão de qualidade

O prazer da descoberta

Linha excepcional

Na lista top brasileira e mundial

Espíritos especiais e brasileiros

Cervejas Especiais

Tradição e uma história nobre

Sabor que conquista

Nobreza Premiada

No lista TOP brasileira

Entre as Melhores do Continente

Entre as mais premiadas em 2018

Tradição Italiana, Brasilidade e Excelência

Cerveja padrão de excelência

Premiada internacional da ‘Capital do Chope’

Deguste o melhor espírito brasileiro

Especiais para coquetelaria

Entre as melhores mundiais

Primeiro brasileiro com medalha internacional

Cachaça Artesanal Mineira

No top 3 da qualidade

Exclusividade brasileira premiada nos EUA

Cerveja Premiada para sua Carta?

Excelência em destilados premiados

Uma geração de qualidade

A revelação internacional do ano