Revista Carta Premium

QUEM ESTEVE POR LÁ? QUEM ESTARÁ POR LÁ? QUEM VENCEU? Confira mais sobre o Cacharitiba e uma prévia sobre o segundo Concurso Rabo de Galo. Falta apenas uma semana!

QUEM ESTEVE POR LÁ? QUEM ESTARÁ POR LÁ? QUEM VENCEU? Confira mais sobre o Cacharitiba e uma prévia sobre o segundo Concurso Rabo de Galo. Falta apenas uma semana!

QUEM ESTEVE POR LÁ? QUEM ESTARÁ POR LÁ? QUEM VENCEU? Confira  mais sobre o Cacharitiba e uma prévia sobre o segundo Concurso Rabo de Galo. Falta apenas uma semana!
novembro 26
19:37 2018

ALERTA DE AGENDA: dia 3 de dezembro, a capital paulista será palco da segunda edição do Concurso Rabo de Galo. A competição traz inovações e tendências nas receitas preparadas por alguns dos melhores profissionais de bar do País para este que logo mais logo menos se tornará o segundo drinque de patente canarinha no IBA. Além
disso também reúne uma singular mostra com alguns dos melhores espíritos nacionais!  Mais informações no final da reportagem.

O Cacharitiba 2018

Vô Milano - Cacharitiba 2018Falando em mostra de grande relevância para o crescimento e expansão da cultura do destilado brasileiro de alta qualidade, mais uma vez, o Cacharitiba, que realizou a sua sétima edição no finalzinho de outubro ratificou essa crescente apreciação dos brasileiros pelo seu destilado nacional.

Projeto criado pela equipe da Cachaçaria Vô Milano, única loja da cidade com foco exclusivo no comércio do espírito de cana brasileiro, e ocorre anualmente em parceira com a Ascesme (Associação dos Comerciantes Estabelecidos no Mercado Municipal de Curitiba) e a Prefeitura de Curitiba por meio do Mercado Municipal.  Entre os apoiadores estão a Distribuidora Acqua Mineira, o Projeto Identidade Gastronômica, bares Cana Benta e Ananã, e a Confraria Paranaense da Cachaça.

O evento traz à capital paranaense algumas das melhores cachaças do País, permitindo a degustação, a interação público-produtor, além de englobar gastronomia, palestras temáticas sobre a área e culinária regional, e dicas sobre a elaboração de drinques e coquetéis. Além disso são realizadas visitas a alambiques paranaenses, como ao do Alambique da premiada Cachaça Porto Morretes, no litoral do Paraná. Paralelamente ao evento também ocorreu nesse ano o 2o. Enconfras – Encontro Nacional de Confrarias de Cachaça. Aliás, em nossa última  edição trouxemos um guia de confrarias sobre a bebida espalhadas tanto no Brasil quanto fora dele (7a. edição, página 150). CLIQUE AQUI e confira.

bartender Emiliano LaurianoOutro destaque da edição 2018 do evento foi a realização do 1o. Concurso Cacharitiba de Coquetéis. O ganhador foi o Emiliano Lauriano com o coquetel Companheiras. “Foi o primeiro concurso que participei, e com o destilado que eu mais gosto. A cachaça é o destilado muito bom e pouco explorado”, destaca o bartender campeão 2018, Emiliano. Para ele, como profissional da área, a presença no Cacharitiba é muito importante.

“Conhecia algumas marcas, mas poder conhecer os produtores é uma experiência única. A Companheira me chamou atenção pela história do Sr. Natanael e também do alambique. Me inspirei no chamado Hotel Nacional Special. Fiz uma releitura trocando o rum pela cachaça e alguns ajustes. Seria um coquetel que eu beberia”.

A receita do bartender traz limão, abacaxi Orgeat (xarope de leite de amêndoas), licor de pêssego e blend de duas cachaças do alambique Companheira, a versão Castanheira e a versão Imburana. “Sou supernovo nessa área, mas me vejo trabalhando no lugar que eu queria, no Ananã, um bar de cocktail focado em cachaça”, finaliza Emiliano.

Também participaram da competição outros excelentes nomes da coquetelaria paranaense: Oberdan Batista, do La Champagneria; Jhonatan Arcants “Cannis”, do Bar Boulevard; Ana Carolina, do Ponto Gin, e Cris Almorin, do
Punch Drink e CO.

Empresas em destaque

Cachaça Colombina - Expositor CacharitibaEntre os expositores deste ano do Cacharitiba estava a cachaça mineira Colombina, com sede na cidade de Alvinópolis. Com quase 100 anos de história, a Colombina surgiu em 1920 e é uma das referência de alambiques na Estrada Real, considerada hoje a maior rota turística do País, com mais de 1.600 km de extensão, passando por Minas Gerais, Rio de Janeiro e São Paulo.

Produto de excelência, a Colombina recebeu neste ano Medalha de Prata na categoria Brancas Puras no Concurso de Degustação às Cegas da Expocachaça, um dos maiores e mais importantes concursos anuais de destilados no País.

Na linha de produtos da empresa, estão a Cachaça Colombina Cristal, a Colombina 3 anos (que passar por armazenamento em paróis de jatobá), a Colombina Chita (que é um blend de Cachaças Envelhecidas em Jatobá), a Cachaça Colombina 10 anos (jatobá).

“A Colombina preza por ser uma cachaça de qualidade. Todos os nossos produtos são elaborados no mesmo local e não absorvemos cachaças de terceiros, nem tampouco serviços de outros alambiques. Fazemos a nossa cachaça
em casa, para que tenhamos o controle da qualidade dos processos e da matéria-prima. Com quase 100 anos de história, temos uma grande responsabilidade com as nossas tradições. No caso da nossa premiada Colombina Cristal, podemos destacar primeiramente o aspecto visual cristalino e a densidade com excelente retenção nas
paredes do copo. Os aromas são adocicados e lembram os da cana e da fermentação no engenho. Os sabores são aveludados, com memória de castanhas e chocolate, baixa percepção alcoólica e elevado drinkability’”, destaca Luciano Barbosa Souto, CEO da empresa.

Colombina - Drink

Mais informações sobre a Colombina, que foi um dos destaques da nossa última edição (CLIQUE AQUI e veja a revista na íntegra) podem ser obtidas pelo e-mail comercial@cachacacolombina.com.br e www.cachacacolombina.com.br .

Também estiverem presentes no evento:
Companheira no Cacharitiba- Companheira: empresa premiada no Spirits Selection 2018, um dos mais renomados concursos mundiais. LEIA AQUI a reportagem.
- Casa Bucco: veja AQUI reportagem em nossa última edição.
- Cachaçaria Harmonie Schnaps: leia AQUI reportagem em nossa última edição.
- Velho Alambique.
- Mária João: veja AQUI reportagem sobre a empresa em nossa edição anual das bebidas mais premiadas.
- Bassi: leia AQUI também reportagem em nosso anuário de bebidas premiadas.
- Gogó da Ema: veja neste LINK matéria sobre as premiações da empresa.
– Salinas.
-  Weber Haus: confira MATÉRIA exclusiva nossa.
- Hof: veja ENTREVISTA em nossa última edição.
- Matuta: confira AQUI reportagem e vídeo em nossa última edição.
- Taverna de Minas: VEJA AQUI reportagem com exclusividade.
- Porto Morretes: matéria na íntegra sobre a empresa AQUI.
- Bernardo Milano.
- Bento Albino: REPORTAGEM em nossa última edição.
- Régis Armmont.
- Chico Mineiro: A empresa foi destaque em nossa publicação especial de bolso para bartenders. Veja AQUI.
- Sanhaçu: Confira MATÉRIA em nossa última edição.
- Engenho Terra Vermelha.
- Gouveia Brasil: a empresa foi medalhista no Spirits Selection 2018, um dos maiores concursos mundiais de destilados. Veja AQUI reportagem .
- Genuína Jambu.

O Concurso Rabo de Galo

Criado com o propósito de promover a cachaça e criar uma grande possibilidade de diversificar o seu uso em cocktails, além de popularizar ainda mais aquele que já é considerado o segundo drink de patente brasileira, II Concurso Nacional Rabo de Galo é uma misto de competição e mostra de produtos que deverá reunir na próxima
segunda-feira um grande número de bartenders brasileiros, entre eles alguns dos nomes mais expressivos do mercado. Neste ano o evento será realizado no Lekes do Brasil Hotel Escola, no centro da capital paulista, no bairro da Liberdade.

Retrospectiva I Concurso Nacional Rabo de Galo

O segundo Concurso Rabo de Galo é um projeto idealizado por duas referências mundiais do segmento: Derivan Ferreira de Souza, conhecido como Mestre Derivan, ex-vice presidente para América do Sul da a IBA – Associação Internacional de Barmen; e o bartender Daniel Júlio, atual chefe de bar do Aragon Restaurante, especializado em Mixologia Molecular, Clássica e Brasileira.

São muitos os apoiadores do evento: Prodrinks Cursos e Consultoria (VEJA REPORTAGEM), Escola da Cachaça, Portal Cachaciê, Ibrac, Cúpula da Cachaça, Confraria Paulista da Cachaça, Bartender Store, Movimento Viva
Cachaça,  Solution Coml Distribuidora e Cúpula da Cachaça.

Estão programados importantes workshops:
– Como fazer bebidas destiladas em casa;
– Melhor Carta de Cachaça
– Qualidade do Processo Produtivo das cachaças Ypióca
– Donde Vim e Proconvô, Sozinho ou Bem Acompanhado (papo sobre cachaça com o masterblender Beto Mattos).

Na mostra de produtos que ocorre paralelamente ao evento, os visitantes poderão conhecer  marcas multipremiadas. Estão confirmadas as presenças de:

Pardin - Concurso Rabo de Galo- Pardin: conheça mais obre a empresa em REPORTAGEM de nossa anuário de bebidas premiadas.
- Ypióca: também premiada no Spirits Selection 2018. Veja AQUI reportagem em nossa última edição.
- Stock: a empresa é produtora do gim Silvers, o mais antigo do País produzido há mais de 80 anos com a fórmula original britânica. Veja mais AQUI.
- Weber Haus: além de cachaça, a empresa produz gins premium. Confira AQUI em reportagem.
- Sebastiana: multipremiada no Concurso Cachaça com Ciência. Leia mais neste LINK.
- Matriarca: também premiada no Spirits Selection 2018. Veja AQUI.
- Wiba!: veja MATÉRIA sobre a empresa em nosso anuário das bebidas mais premiadas.
- Tiê: a empresa recebeu diversos prêmios em 2018, entre eles a Medalha no Concurso
Cachaça com Ciência. leia AQUI matéria em nossa última edição.
- Espírito de Minas (Grupo Natique): veja AQUI matéria exclusiva sobre a empresa.

Em 2017, o evento atraiu centenas de pessoas interessadas em conhecer mais sobre a origem do drinque e seus variados sabores. “Temos o propósito de promover a cachaça e criar uma grande possibilidade de diversificação de seu uso em coquetéis. Para isso, vamos reunir um grande número de bartenders para uma festa de criações diversas e receitas exclusivas do Rabo de Galo, despertando o interesse dos mais jovens profissionais, em relação ao sabor da bebida e sua história”, comenta o Mestre Derivan.

Banner Rabo de GaloEste movimento visa ainda levar o Rabo de Galo a alçar voos mais altos. O objetivo é que este drinque seja o segundo coquetel brasileiro à base de Cachaça a ser inserido na lista da IBA – International Bartenders Association. Essa seleta lista conta com quase 100 drinques considerados os clássicos do mundo e tem como base diversos destilados. Todo barman precisa conhecer e saber fazer estes coquetéis. O Brasil já consta nesta listagem com a
Caipirinha. “Queremos aumentar a presença brasileira nesta carta da IBA. Esta inclusão será uma nova jornada e um grande passo para a nossa coquetelaria e também para a cachaça”, explica Daniel Júlio.

Um pouquinho de história

O drinque Rabo de Galo, assim como a Caipirinha, é um patrimônio cultural do Brasil, com 64 anos de história. Sua
propagação começou na cidade de São Paulo com a chegada de uma fábrica de bebidas nos anos de 1950.

Na época, essa indústria queria atender os anseios alcoólicos dos imigrantes italianos. No entanto, estes consumidores encantados pela cachaça não bebiam mais o apenas o vermute puro, mas apreciavam muito o “ouro líquido brasileiro”. Assim, foi criada uma mistura dos dois, inclusive com copo exclusivo, que continha marcação das doses. Segundo relatos, o fundo do copo era mais grosso para aguentar a batida no balcão, na volta do gole. Inclusive, a bebida era para ser chamada de “Cocktail”, mas a ideia foi substituída pela tradução da palavra em inglês para o português, ficando como “Rabo de Galo”.

Inicialmente tinha em sua proporção original 2/3 de Cachaça para 1/3 de vermute. Nos dias de hoje não tem uma receita exata nem há uma técnica fixa de preparo: pode ser misturada num mixing glass com gelo ou no próprio copo de servir. Esta bebida tem agora voltado para si as luzes dos holofotes, já que o estudo da origem da Coquetelaria Brasileira tem sido objeto de constantes pesquisas de bartenders e mixologistas.

Artigos Relacionados

0 Comentários

Ainda não há comentários!

Não há comentários no momento, você quer adicionar um novo?

Escrever um Comentário

Escrever um Comentário

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados *

catorze + onze =

Em sinergia com a qualidade e inovação

Cerveja com Classe

Sabores Inigualáveis

Única em todos os sentidos

Colecionadora de Medalhas

Cachaça de Terroir

Alto padrão de qualidade

O prazer da descoberta

Linha excepcional

Na lista top brasileira e mundial

Espíritos especiais e brasileiros

Cervejas Especiais

Tradição e uma história nobre

Sabor que conquista

Nobreza Premiada

No lista TOP brasileira

Entre as Melhores do Continente

Entre as mais premiadas em 2018

Tradição Italiana, Brasilidade e Excelência

Cerveja padrão de excelência

Premiada internacional da ‘Capital do Chope’

Deguste o melhor espírito brasileiro

Especiais para coquetelaria

Entre as melhores mundiais

Primeiro brasileiro com medalha internacional

Cachaça Artesanal Mineira

No top 3 da qualidade

Exclusividade brasileira premiada nos EUA

Cerveja Premiada para sua Carta?

Excelência em destilados premiados

Uma geração de qualidade

A revelação internacional do ano