Revista Carta Premium

DOSE DUPLA DE REFINO: com um bom vinho no preparo e outro para a harmonização, confira as dicas do chef Sidnei Valério para um fettuccine

 Extra!

DOSE DUPLA DE REFINO: com um bom vinho no preparo e outro para a harmonização, confira as dicas do chef Sidnei Valério para um fettuccine

DOSE DUPLA DE REFINO: com um bom vinho no preparo e outro para a harmonização, confira as dicas do chef Sidnei Valério para um fettuccine
outubro 16
10:41 2017

Tendo no currículo restaurantes especializados em cozinhas como a portuguesa, italiana e a espanhola, como o Olivença Cozinha Ibérica, o La Varenne e o Alfredo’s Gallery Alla Scrofa Roma, o chef curitibano Sidnei Valério, atualmente no Ravello Tratoria, traz dicas especiais de harmonização e também uma receita de fettuccine, utilizando Vinho branco Familia Fardovinhos tanto no preparo quanto para acompanhamento, fechando um ciclo de deleite dos apreciadores.

“Primeiramente sempre levo em consideração a escolha do tipo de vinho para cada ocasião, se o clima está mais quente ou mais para o frio, para saber de vou para um tinto, um branco ou um rosé. Não que isso seja regra, mas sim gosto. E nada impede de se beber um bom vinho em qualquer estação. Após essa avaliação, vejo o que se vai harmonizar: peixe, carne, massas ou até mesmo um menu com os dois”, pontua Sidnei.

O chef lembra que peixe com temperos mais leves podem ser acompanhados de um bom vinho branco, entretanto se for do tipo moqueca ou temperos mais marcantes já se pode subir para um rosé ou até mesmo um tinto mais leve. “Quando se fala em carnes, risotos, pizzas já prefiro sim um tinto. Sou mais de vinhos novos, como os  portugueses que estão em alta com seus vinhedos. Os sul-africanos, ou até mesmo os australianos estão impressionando”.

Sidnei finaliza pontuando que é preciso não deixar de lado também a questão do custo-benefício. “Existem hoje vinhos impressionantes por preços sensacionais”.

Receita simples e harmonização descomplicada

Seguindo a tendência do regionalismo, Sidnei indica uma boa receita de fettuccine com harmonização a partir
de rótulos de uma vinícola local, a paranaense Família Fardo, distante a apenas 23 km da capital paranaense,
no município de Quatro Barras. A Fardo já conta com dez rótulos à disposição dos apreciadores.

Fettuccine (ilustrativa)

Foram dois vinhos escolhidos, um para uso entre os ingredientes, outro para acompanhamento.

Leve, refrescante e frutado, o Malvasia, integrante da Linha Casa e primeiro vinho branco elaborado pela
vinícola, tem entre as principais características uma explosão do aroma frutado, floral. O vinho apresenta cor alegre e límpida. O teor alcoólico é de 12%. A temperatura ideal para o seu consumo é de 8 a 10 graus.

Já para a harmonização à mesa a opção foi pelo Encontro Fiore, um vinho de corte, que traz a combinação das
Rótulo Fiore Família Fardouvas Malbec e Malvasia.

“É um vinho, como eu gosto de dizer, instigante, novo, único! Um tinto leve, com uma cor vermelha, muito viva, translúcida. Os aromas são florais e frutados, mas vão-se tornando complexos, à medida em que o vinho vai respirando na taça. No paladar, mostra um bom volume, boa acidez e ótima persistência”, como menciona Rogerio Dardeu em sua página “Vinhos Brasileiros por Rogerio Dardeau”. Especialista em vinhos, com diversas publicações a respeito como o livro “Vinhos – uma festa dos sentidos”, mantém essa ótima página elucidativa e comentada sobre vinhos principalmente brasileiros no Facebook, na qual encontramos esse importante comentário. Entre as vinícolas visitadas por Rogério em 2017 estão a Fardo e a Franco Italiana.

Enfim, vamos ao fettuccine!
Ingredientes:
– 50 g de manteiga
– 40 g de trigo
– 200 ml de leite
– Meia cebola bem picadinha
– 100 g de Parmesão grana padano
ralado ou o parmesão de sua
preferência
– 80 ml de vinho branco Malvasia Família Fardo

“Em uma panela derreta a manteiga e frite a cebola para soltar o sabor em seguida acrescentar o trigo e deixe ele cozinhar um pouco até dar uma cor bem amarelada em seguida acrescentar o leite quente e mexa até dar um molho bem cremoso… Quanto mais deixar ele aquecer e mexer mais ele vai engrossar e para finalizar acrescente o parmesão e envolva nesse molho … Para realçar um pouco mais o sabor adicione 80 ml de vinho branco da Família Fardo Malvasia. Cozinhe o fettuccine e envolva no molho e sirva em seguida. Se preferir, um mignon é uma ótima escolha para acompanhar”, detalha o chef.

Contatos: Familia Fardo: Telefone: (41) 3672-1693 / (41) 3672-4488 -www.familiafardo.com.br
– https://www.facebook.com/vinicolafamiliafardo/

• Chef Sidnei Valério: (41) 99705-5372, e-mail chefsidnei@icloud.com , https://www.facebook.com/sidnei.valerio.7

NOVA EDIÇÃO ONLINE
A entrevista e as dicas do Chef Sidnei Valério estão na nova edição da Revista, recém-publicada. Leia a edição na íntegra, que traz mais de 500 indicações de rótulos, pelo link Versão Online , ou baixe agora mesmo a edição em formato leve, para smartphone e compartilhamento,  no link Versão Offline.



Artigos Relacionados

0 Comentários

Ainda não há comentários!

Não há comentários no momento, você quer adicionar um novo?

Escrever um Comentário

Escrever um Comentário

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados *

2 × 1 =

Premiada internacional da ‘Capital do Chope’

Deguste o melhor espírito brasileiro

Workshop dia 15, não perca!

Entre as Melhores do Continente

Tradição Italiana, Brasilidade e Excelência

Entre as mais premiadas do Brasil

Especiais para coquetelaria

Cervejaria de Excelência

Entre as melhores mundiais

Espíritos especiais e brasileiros

Primeiro gim brasileiro a ganhar medalha internacional

No top 3 da qualidade

Exclusividade brasileira premiada nos EUA

LInha excepcional

A revelação internacional do ano

Conheça e comprove a excelência

Para os melhores empreendimentos

Destilado único e especial

Cerveja Premiada para sua Carta?

Rótulos singulares

Unicamente brasileira

Entre os melhores do Brasil!

Especialíssima

Nobreza Premiada

Vinhos aprovados por especialistas

No lista TOP brasileira

Pronta para servir e conquistar

Uma geração de qualidade

Vinhos de primazia

Padrão de qualidade

Não podem faltar na carta